sexta-feira, 19 de abril de 2024

MUNDO

Daniel Alves é condenado a 4 anos e seis meses de prisão na Espanha

POR Marcos Paulo dos Santos | 22/02/2024
Daniel Alves é condenado a 4 anos e seis meses de prisão na Espanha

Foto: David ZORRAKINO / POOL / AFP

O

O jogador Daniel Alves foi condenado a 4 anos e seis meses de prisão pela Justiça da Espanha. A sentença saiu nesta quinta-feira (22).

 

 

A juíza Isabel Delgado Perez, da 21ª Seção da Audiência de Barcelona também determinou um período de cinco anos de liberdade vigiada para o atleta de 40 anos a ser cumprido logo após terminar a pena na prisão, além disso, ele deverá pagar uma indenização de 150 mil euros (R$ 805 mil) por danos morais e físicos e para a mulher vítima de estupro por ele em uma boate no dia 30 de dezembro de 2022.

 

 

Em comunicado, a Justiça espanhola apontou que "ficou provado que a mulher não consentiu e que existem elementos de prova, além do testemunho da denunciante, para entender comprovada a violação".

 

 

"O tribunal considera provado que “o acusado agarrou abruptamente a denunciante, a jogou no chão e, a impedindo de se mexer, a penetrou pela vagina, apesar de a denunciante ter dito que não, que queria ir embora”. E entende que “isso cumpre o tipo de ausência de consentimento, com uso de violência, e com acesso carnal”, afirma o trecho da decisão.

 

 

Daniel Alves não esteve presente durante a leitura da sentença. Em seu lugar esteve a sua advogada, Inés Guardiola. A defesa do jogador disse que vai recorrer da sentença.

 

 

A acusação havia pedido 12 anos de pena, enquanto a promotoria pediu nove anos de prisão. A advogada de Daniel queria a absolvição do lateral.

Jornal Somos

Jornal Somos

Jornal online com a missão de produzir jornalismo sério, com credibilidade e informação atualizada, da cidade de Rio Verde e região.

COMPARTILHE: