sexta-feira, 24 de maio de 2024

Goiás

Projeto aprovado em Goiás obriga a permanência da PM em escolas estaduais

POR Thaynara Morais | 23/12/2022
Projeto aprovado em Goiás obriga a permanência da PM em escolas estaduais

Foto: Maykon Cardoso

N

Na última sessão antes do recesso parlamentar, os deputados da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), aprovaram matéria que obriga a permanência de, ao menos, um policial militar (PM) em escolas estaduais.

 

O projeto é de autoria do deputado Paulo Cezar Martins (PL), e explica que esse agente deverá ficar  “na portaria do estabelecimento no momento da entrada e saída dos alunos” e “em todos os turnos em que haja aula no estabelecimento”.

 

O parlamentar argumenta em justificativa, que “desde o início do ano letivo nas escolas da rede estadual de educação em Goiás, as autoridades já interceptaram pelo menos 21 ameaças de atentados ou massacres nas unidades de ensino”.

 

De acordo com ele, isso representa “mais de um caso por semana e apresenta uma crescente, visto que em fevereiro a Superintendência de Segurança Escolar da Secretaria de Estado de Educação de Goiás (Seduc) verificou quatro casos, outros oito em março, seis em abril e três em maio”.

 

O deputado estadual, Coronel Adailton (PRTB), apensar de ter votado a favor, considerou a proposta incoerente. “Pela quantidade de policiais que seria necessária, ficaria inviável colocar policiamento em todas as escolas públicas de Goiás”, disse quando a matéria passou na Comissão de Segurança Pública.

 

A matéria agora segue para sanção do governador, Ronaldo Caiado.

 

 

Jornal Somos

Jornal Somos

Jornal online com a missão de produzir jornalismo sério, com credibilidade e informação atualizada, da cidade de Rio Verde e região.

COMPARTILHE: