sexta-feira, 24 de maio de 2024

Goiás

Durante fala na tribuna, Amauri Ribeiro chama colega deputado de “bostinha”

POR Bento Júnior | 01/11/2023
Durante fala na tribuna, Amauri Ribeiro chama colega deputado de “bostinha”

Foto: Reprodução/Alego

A

A sessão ordinária da manhã desta quarta-feira (1/11) na Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) foi abruptamente encerrada devido a mais uma confusão envolvendo o deputado estadual Amauri Ribeiro (UB). Durante seu discurso na tribuna, o parlamentar provocou opositores no contexto da guerra entre Israel e o Hamas, chamando o suplente a deputado estadual pelo PT, Fabrício Rosa, de "bostinha." Em resposta, Rosa acusou Amauri de ser "homofóbico."

 

A confusão não se limitou a essa troca de palavras. Amauri reviveu uma discussão anterior que teve com o colega Mauro Rubem (PT) nas últimas semanas. Além disso, ele confrontou representantes de várias organizações, incluindo a União Nacional dos Estudantes (UNE), o Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Goiás (Sintego), a União Brasileira de Mulheres Goiás e a Associação dos Rodoviários de Goiás, que estavam presentes no plenário.

 

Os sindicalistas estavam na Assembleia para entregar uma representação contra as declarações de Amauri Ribeiro, que atacou Bia de Lima, deputada estadual e presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás (Sintego).

 

A confusão teve início durante o discurso de Amauri sobre a guerra entre Israel e o Hamas no Oriente Médio. Durante sua fala, o parlamentar fez comentários sobre a aceitação da homossexualidade em Israel, comparando-a à situação na Palestina, e questionou o suposto apoio de grupos de esquerda ao Hamas, fazendo uma referência indireta ao deputado Mauro Rubem (PT).

 

O comportamento de Amauri Ribeiro gerou protestos, principalmente de Fabrício Rosa, que o acusou de homofobia. O presidente em exercício da Assembleia, Charles Bento (MDB), optou por encerrar a sessão devido à confusão, o que gerou protestos dos deputados do PT, incluindo Bia de Lima, que afirmou que enfrenta insultos constantes durante as sessões, mas as atividades nunca foram interrompidas por esse motivo.

Jornal Somos

Jornal Somos

Jornal online com a missão de produzir jornalismo sério, com credibilidade e informação atualizada, da cidade de Rio Verde e região.

COMPARTILHE: