sexta-feira, 19 de abril de 2024

Social

Hoje comemora-se o Dia Mundial da Conscientização do Autismo

POR Lucas Medeiros | 02/04/2024
Hoje comemora-se o Dia Mundial da Conscientização do Autismo

Imagem: iStock

H

Hoje, 02 de abril, é celebrado o Dia Mundial da Conscientização do Autismo, uma data que visa promover o entendimento e a aceitação das pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) em todo o mundo. Este dia é uma oportunidade para aumentar o conhecimento sobre o autismo e destacar a importância de criar comunidades mais inclusivas e acessíveis para todos.

 

O autismo é um distúrbio do desenvolvimento que afeta a capacidade de comunicação e interação social da pessoa, bem como seu comportamento e interesses. No entanto, é importante ressaltar que cada pessoa com autismo é única, com habilidades e desafios individuais.

 

Neste Dia Mundial da Conscientização do Autismo, várias iniciativas estão sendo realizadas em todo o mundo para educar o público sobre o autismo e promover a inclusão e o respeito às pessoas com TEA. Eventos, palestras, campanhas de conscientização e atividades educacionais são organizadas para disseminar informações precisas sobre o autismo e combater estereótipos e preconceitos.

 

Em Rio Verde existe o Núcleo de Arte e Inclusão do Autista (NAIA), no qual atende várias crianças portadoras de TEA: "A gente conseguiu fazer uma Associação forte, que está aí para poder ajudar as famílias dos autistas, que são muito desamparadas, desassistidas. Nós vamos tentar oferecer a partir de maio a terapia, porque nós já começamos a associação oferecendo terapias, mesmo não tendo sede, nós atendíamos 20 autistas lá na Agência Municipal de Trânsito (AMT)", disse a diretora do Naia, Elaine Cardoso, em entrevista no programa Papo Líder, apresentado por Cairo Santos e Thaís Cabral, na Rádio Líder FM.

 

A conscientização e o entendimento são passos essenciais para construir uma sociedade verdadeiramente inclusiva, de acordo com ela, que tem vivência dentro de casa com um filho autista: "Quando o pai ou uma mãe recebe o diagnóstico de autismo, eu não sabia lidar com autismo, ninguém da minha família sabia lidar, é uma coisa muito nova, são situações muito complexas que o autista apresenta e você não sabe como agir, então, o grupo ele tem um fator de acolhimento muito grande, quando os pais entram no grupo. Então esse grupo ajuda bastante os pais no caminhar, nos passos que tem que dar".

 

Ela ainda deixou o convite para quem tiver interesse em participar do grupo, "Quem quiser entrar, ali muito é desabafado e não na família, mas ali a gente se entende. Não é que estou falando mal da família não, mas ali a gente se entende com nossas realidades parecidas. Então quem quiser entrar pode me procurar pelo WhatsApp no (64) 9 92749030, que vai ser muito bem acolhido, vamos colocar no grupo do WhatsApp". 

TAGS:

COMPARTILHE: