Geral

Plataforma Não Me Perturbe tem quase dez milhões de telefones cadastradas

POR Ana Carolina Morais | 16/01/2022
Plataforma Não Me Perturbe tem quase dez milhões de telefones cadastradas

Foto de PhotoMIX Company no Pexels

A

A plataforma Não Me Perturbe, em funcionamento desde julho de 2019, já possui 9,55 milhões – quase dez milhões! – de números de telefones cadastrados. O sistema permite que as pessoas bloqueiem ligações de empresas de telemarketing, empresas de telecom e de oferta de crédito consignado. As exceções ficam, por exemplo, para chamadas de planos de saúde ou de redes varejistas – estas não entram na lista de bloqueio.

 

 

Segundo a Conexis Brasil Digital, responsável por reunir as empresas de telecomunicações e de conectividade, a maioria dos números que foram bloqueados são do estado de São Paulo (4,594 milhões), seguido por Minas Gerais (856 mil), Paraná (844 mil) e Rio de Janeiro (587 mil).

 

 

Aqueles que tiverem interesse em bloquear seus números de celular e/ou fixo para o recebimento destas ligações de telemarketing devem realizar o cadastro no site www.naomeperturbe.com.br ou por meio dos Procons. O bloqueio é feito em até 30 dias após o cadastro.

 

 

O Não Me Perturbe é uma das medidas de autorregulação do setor para a melhoria da relação com os consumidores. Somente no ano passado, mais de 2 milhões de números foram cadastrados. Desde a implementação da plataforma, foi notada uma queda 20% nas reclamações referentes aos serviços de telecomunicações.

 

 

(Com informações da Agência Brasil)

 

Jornal Somos

Jornal Somos

Jornal online com a missão de produzir jornalismo sério, com credibilidade e informação atualizada, da cidade de Rio Verde e região.

COMPARTILHE:

INSCREVA-SE

Cadastre seu e-mail e fique por dentro de todas as notícias do Brasil e do mundo com publicações realizadas pelos melhores jornalistas do Brasil. A plataforma inteligente do Jornal SOMOS oferece o melhor do conteúdo jornalístico exclusivo para você.

ENVIAR
Obrigado por se inscrever em nosso site. Aguarde novidades!
Jornal Somos
ACOMPANHE AS NOSSAS REDES