Goiás

Pedido do Ministério Público é negado pela Justiça e academias continuarão abertas em Goiás

POR Ana Carolina Morais | 22/05/2020
img/noticias/Pedido do Ministério Público é negado pela Justiça e academias continuarão abertas em Goiás

Reprodução / A Gazeta

O

O Ministério Público de Goiás (MP-GO) recorreu, nesta quinta-feira (21), de liminar que permitiu a reabertura das academias de ginástica goianas. Entretanto, o Poder Judiciário negou o requerimento efetuado pelo MP, mantendo os estabelecimentos abertos.

 

 

O MP-GO e a Procuradoria Geral do Estado (PGE-GO) ainda não se posicionaram quanto a negativa dos requerimentos. Portanto, ainda não se sabe se o órgão responsável irá recorrer da recente decisão.

 

 

A permissão para o retorno das atividades das academias foi efetuada pelo desembargador Gilberto Marques Filho, atendendo ao pedido do Sindicato dos Profissionais de Educação Física (Sinpef) e do Sindicato das Academias de Goiás (Sindac). As condições impostas é o funcionamento com capacidade limitada a 30% da lotação e obediência a regramentos sanitários nos moldes dos indicados pela Secretaria de Saúde de Santa Catarina até que o Estado elabore suas próprias normas.

 

 

Jornal Somos

Jornal Somos

Jornal online com a missão de produzir jornalismo sério, com credibilidade e informação atualizada, da cidade de Rio Verde e região.

COMPARTILHE:

INSCREVA-SE

Cadastre seu e-mail e fique por dentro de todas as notícias do Brasil e do mundo com publicações realizadas pelos melhores jornalistas do Brasil. A plataforma inteligente do Jornal SOMOS oferece o melhor do conteúdo jornalístico exclusivo para você.

ENVIAR
Obrigado por se inscrever em nosso site. Aguarde novidades!
Jornal Somos
ACOMPANHE AS NOSSAS REDES